Passa tempo

abril 22, 2011

"Sorrisos de plásticos aparecem na minha frente todos os dias, como se nada tivesse acontecido. Queria aprender a derretê-los, feito gelo. Como não consigo fazer prefiro fechar meus olhos, olhar para o lado inverso, contrário."


Se eu pudesse colocaria uma mala debaixo do braço e sairia correndo pra nunca mais voltar. Colocaria fogo no meu livro atual e começaria uma página nova, um parágrafo novo, tudo novo de novo. Sem lembranças, sem mágoas, sem lágrimas. Para algum lugar que ninguém me conheça e que eu não conheça ninguém. Onde tudo seja diferente, melhor e mais contente. Onde eu tenha um alguém que me acalente sem me pedir nada em troca e que eu o acalente sem querer nada em troca. Não quero mais lembrar do passado sofrido, que esquecer de tudo, de todos os motivos e principalmente de todos que me fizeram sofrer e ainda fazem. Quero excluir o sofrimento da minha vida. Quero poder sorrir sem ter que ter um motivo concreto para isso. Quero uma vida social de verdade, onde conversas não sejam virtuais e nem raras. Se eu tivesse coragem e liberdade o suficiente de realizar tudo isso que eu quero, hoje não estaria aqui sentada, como uma pessoa deprimida, com uma caixa de chocolate no chão, twittando e escrevendo esse texto. Talvez eu esteja colhendo o que plantei ou plantando para colher, só o futuro vai me responder.

You Might Also Like

7 Comentários

  1. Eu já passei por isso sabe, mas a verdade é que tudo na nossa vida tem um propósito e a gente amadurece a partir de certos momentos, certos "desertos" na nossa vida.

    Força para ti!

    beijos!

    ResponderExcluir
  2. oi nati, tudo bem? sabe, todo mundo quer recomeçar, ora, eu queria. mas na falta, porque não terminar o que ja foi começado? olha, sei que as vezes o dia parece que não vai acabar, e entendo perfeitamente essa agonia enorme e a falta do que fazer: todo mundo quer ser mais do que um ser humano. mas é isso que somos. lembro perfeitamente de ficar triste, assim como voce, ano passado, pela situação chata que estaria vivendo, acredite: nada pior do que não falar com ninguem da sua classe e ter que virar nerd por isso. meus dramas a parte, sinto toda alegria de dizer que hoje ja não tenho aqueeeeeeeela vontade de atirar na minha cabeça e ir para um mundo colorido onde todos me amam, ate porque, aprendi que não é pq a escola é nova, o bairro é novo ou a cidade que as coisas vão ser novas tmb, as vezes, voce continua sendo a deslocada e gordinha da turma - como eu era, hehe - É TUDO QUESTÃO DE ALTO CONFIANÇA. creio que esse pode ser o pior comentario do mundo ou a ultima coisa que voce queria ouvir, mas é a primeira coisa que necessita saber. como eu ja disse em um texto " tem que ser corajosa o fuciente pra admitir que tem medo". Nati, tem que ser mulher demais pra encarar qualquer situação de cabeça ergida, me entende? Boa sorte com tudo, me atrapalhei mas esse é o humilde comentario de uma garota que acha que sabe o que é dor. Beijão, se cuida.

    ResponderExcluir
  3. já fiz minha mala dez vezes e desfiz mais rapido do que nunca! não é as pressas que vou conseguir um futuro melhor, não é as ventas que vou viver um possivél romance as vesas!

    a alegria é questão de procurarmos de estarmos na sintonia do que amamos e lutamos ser!

    do mais, a natureza é sábia, não choramos além do que devemos chorar, não sorrimos além do que devemo sorris, em fim, vivemos nas medidas que DEUS no faz!

    ResponderExcluir
  4. Já passei por isso,e não é da boca pra fora que falo isso,mas vai passar. São fases da nossa vida que pensamos que irá durar por muuito tempo ainda,mas tudo muda,tem que mudar! ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Sabe Nati, todos aqui sabem realmente o que voce está sentindo, as vezes eu estou super contente, sorrindo e minutos depois, triste, lamentando meu passado.
    E isso não é bipolaridade, não. São só mágoas que as pessoas que eu mais amava implantaram no meu coração, e isso dói, todos os dias.
    Mas, devemos sorrir, ou pelo menos tentar, Deus vê suas angústias e ele chora contigo. Pode ter certeza que essa dor vai passar. Prometo.

    ResponderExcluir
  6. Fases passam, tudo passa. As coisas sempre mudam, se você quiser, é claro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Tenho essas m,esmas vontades de vez em quando, e compartinho desta sua (nossa)última duvida. Será que somos infelizes pela infelicidade dos outros?

    Beijos. Feliz Páscoa!

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!