Primeiro dia do ano de 2021

by - 1.1.21

 Mais um começo de ano em que ainda não consigo me enxergar por completo, como deveria ser, mas está tudo bem, não posso continuar me cobrando tanto quanto estou fazendo nos últimos 28 anos, só preciso respirar, olhar no espelho e me entender. 

Tem tantas coisas que não preciso mais passar, vivenciar e muito menos escutar, estou muito feliz por isso e orgulhosa por conseguir levantar todos os dias e não me entregar pra tudo o que não tem me feito bem nos últimos tempos.

Estive um tempo perdida, ao vento, precisando de um acalento, de um colo, de poder chorar sem julgamentos no colo de alguém, passei dias chorando como se não houvesse amanhã, mas o amanhã sempre chegou e eu tinha que levantar pra trabalhar. 

Hoje, decidi levantar e tocar o F***-se pra tudo o que estava me incomodando de alguma maneira, acredito que não sou obrigada a continuar no sofrimento eterno por causa de algumas pessoas que não estão nem aí pra mim e muito menos para o que eu sinto. 

Aprendi de uma vez por todas a me priorizar (na verdade estou em processo, vários inclusive), pensar mais em mim, me colocar em primeiro lugar sem culpas, assim bem redundante para que aconteça o total entendimento. 

E apesar de todo o sofrimento interno, o aprendizado está acontecendo gradativamente, no meu tempo, do meu jeito e sem pressa. Só quero que aconteça por completo para que eu não cometa os mesmos erros do passado comigo mesma, porque realmente eu não mereço passar por nada do que já passei antes. 

Um ótimo 2021 pra mim, pra ti, pra nós!

You May Also Like

0 comentários