Esse calor que aquece meu peito ♪

novembro 26, 2009

Descobri qual é o resultado do calor escaldante no meu corpo. Viro uma pessoa bipolar (mais do que já sou), animada e disposta demais, tanto que fiz algumas coisas que não fazia há séculos e que provavelmente ninguém teria vontade de fazer, ainda mais no calorão. A maioria das pessoas estavam desanimadas, suadas e desesperadas, por causa do forno gigante em que nos colocaram. Mas eu não, tava numa alegria que só, toda suada, gargalhante (essa palavra nem existe) e por milagre, praticamente, nem entrei na net como de costume. Tentei ficar online um pouco, mas o bendito messenger -palavra chatinha- não quis entrar de jeito nenhum, se passaram duas horas, nessa altura do campeonato minhas costas e pernas estavam grudados; selados na cadeira, coitados de nós. Mesmo com a temperatura altíssima o dia foi ótimo e produtivo. Aproveite todos os dias.

#
O motivo do post anterior foi: queria escrever, mas não tinha um tema e também eu gosto de fazer um draminha básico. Atire o primeiro mouse quem não gosta. Ah, desanimei também por causa da falta de prestigio, não que o de vocês não seja suficiente, mas quanto mais melhor, que nem dinheiro; amigos e chocolate.

You Might Also Like

23 Comentários

  1. Que bom que foi apenas um 'draminha'...

    Ah, e nem me fale no calor... Meu cérebro está derretendo...

    Bjo

    ResponderExcluir
  2. Adorei seu drama
    uashduhduhduashd

    Pensei mesmo que iria deixar o Blog ;/
    Mas ainda bem que não é isso xD

    beijos ;*

    ResponderExcluir
  3. Calor, calor, calor... e quando vc pensa que vai melhorar, dizem que o calor está só começando!

    Xerus
    =***

    ResponderExcluir
  4. ah, todos nós fazemos e gostamos de um draminha, que pode não ser tanta coisa, mas agente exagera um pouco . =)

    ResponderExcluir
  5. Eu sou TÃO dramática, que chego a ser chata.

    Ah, o calor? VAMOS DERRETER, BENHÊ! =p

    HASUHASUASH

    Beijo.

    ResponderExcluir
  6. Realmente aqui em Porto Alegre, o calor ta de mais né.

    Que nem dinheiro, amigos e chocolates.!
    Eu ri.!

    Beijoooos

    ResponderExcluir
  7. Drama? É comigo mesma. aushuasuasua Adoro fazer uma ceninha básica. Que bom que não tá pensando em deixar o blog. :)
    Menina, que calor é esse? O verão vai ser quente!
    Vou escrever durante a viagem sim, não consigo largar mais isso daqui.
    Bjooss

    ResponderExcluir
  8. é muito dificil escrever sem um tema... encontrar um legal nem sempre é fácil...
    mas que bom que se animou!! Não pode deixar o blog abandonado não!
    que pena que seu messenger não deu certo. todo mundo que usa muito tem problemas com ele... eu nem uso e ele funciona direitnho! rs
    Beijão!

    ResponderExcluir
  9. a gostei, um texto sem muito bla bla bla, e muito interessante!

    eu amo fazer um draminha kkkkkkkkkkkkk'


    beijos

    ;*

    ResponderExcluir
  10. As vezes um draminha não dói kkkkk

    Eu adoro o sol e tb me animo pácassss rsrsrs

    bj

    ResponderExcluir
  11. Calor, calor...
    Isso me deixa tão irritada!

    =/

    ResponderExcluir
  12. Eu sou o contrário, nesse tempo de calor fico preguiçosa que só. Mais do que o normal! Haha.

    E a cada dia mais me convenço de que o mundo vai terminar em fogo. Etenhodito.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  13. ADORO calor, sempre digo que funciono melhor no verão. Às vezes bate aquele desânimo básico dependendo do que você tiver de fazer, mas tudo acaba se refrescando.
    Ou não.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  14. Um pouquinho de drama nunca matou ninguém, creio ;)

    ResponderExcluir
  15. Noossa... que draminha heein... menina do céu... nunca deeixe de escrever, nem que seja pra falar um monte de besteiras, mas não deixe de escrever!!! Obrigada por passar no meu blog... será sempre bem vindaa, voltaa ok?! Beejos e suceesso!

    ResponderExcluir
  16. Ah, eu também amoo o calor!
    Tudo de bom mesmo :)

    Beeijos!

    ResponderExcluir
  17. Eu não aguento o calor. Prefiro o frio, ainda bem que no verão temos umas tréguas e cai uma chuvinha de vez em quando.

    Ah, quando desanimar por causa do prestígio do blog, pense nessas postagens mais para você. Elas são importantes na sua vida? Então, mesmo com pouca gente comentando e lendo, você deve continuar. Acho que esse é o espírito.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  18. OLha Natty, primeiro quero comentar o post antenrior. Muitas vezes eu pensei também em desistir do blog, pois há momentos que eu também não sei o que escrever, não tenho vontade, ou simplesmente pelo fato de não alcançar um número x de comentários.
    Nesses últimos tempos estou passando por situações bem complicadas, deve ter dado pra notar pelos meus textos,e quando entro no blog e noto que tem apenas 3 comentários em um texto que eu já postei há dias, isso me decepciona muito. Sempre que posso dou uma olhadinha nos blogs que mais gosto, comento, sigo e tudo mais...Porém, as vezes, eu acho que isso nao é muito recíproco. O que me faz desanimar muito, pois eu, como muita gente por aí, preciso de insentivos, de elogios pra continuar no pique de escrever.
    No entanto querida, tente nao desanimar muito nao, pare, pense um pouco, mesmo que voce precise nos abandonar por um tempo, coloque as ideias no lugar e, tenho certeza, logo aparece um tema muito bom pra voce postar esses textos que eu, particularmente, adoro!

    E quanto ao texto, isso aí! Que bom que voce conseguiu ficar feliz mesmo em um calor dos infernos...Depois me ensina ok?! :B

    beijinhos :*

    ResponderExcluir
  19. O calor me faz bem,embora eu prefira o inverno.
    (:
    Beijos,
    ;**

    ResponderExcluir
  20. já ando tao acostumada com o calor.. Quem mora em Salvador nao tem outra opçao se não deixar o inverno para as viagens do meio do ano..
    adorei o draminhaa, assim nao me sinto culpada pelos meus. HUAHSUASHAUHSAUHS. beijos

    ResponderExcluir
  21. e quem dise que não podemos ver um lado bom em tudo,até mesmo nesse calor de matar dos ultimos dias ^^

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!