Autores

cinco

março 02, 2012




.
Dizem que quando a coisa é boa, a gente não percebe a correria dos ponteiros pelo relógio. Foi exatamente o que aconteceu com eles naquela tarde. 
- Eu nunca tomei tanto suco na vida!
- Aconselho a senhorita a dormir de fraldas hoje.
- É o que você faz?
- Às vezes.
Entre sucos e risos, eles foram se conhecendo. Ela descobriu que ele era filho único e três anos mais velho. Já ele percebeu que ela sempre batia nos joelhos ao sorrir e mordia o canto dos lábios quando ficava em silêncio.
- Você sempre sai com estranhos?
- Você sempre convida estranhas pra sair?
- Só as que eu encontro descalças pelos elevadores.
- Sei ... sei.
- Acho que a senhorita bebeu demais, vamos pra casa?
- Só mais um e nós podemos ir.
A verdade é que ela acabou tomando mais quatro sucos, faltou pouco pra ela experimentar todos os sucos do cardápio. Enquanto ela foi no banheiro - pela nona vez - ele foi pagar a conta.
Enquanto ela fechava a porta do carro, ele não se aguentou e perguntou:
- Não vai me passar seu número?
- Ele já tá salvo no seu celular.


Read more: Quaresma

You Might Also Like

1 Comentários

  1. Hahahah, que legal! Como ela salvou o número no celular dele do nada? Aposto que levou o celular do menino pro banheiro, veja...

    Muito marota essa moça do suco, viu, Nati? :P

    Beijão, mulher... Curti super o fusca vermelho!!

    :*

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!