amor próprio

Orgulhe - se de si

junho 14, 2016



A cada dia que passa fica mais difícil de aceitar - se como pessoa, como mulher, principalmente como mulher negra, fora dos padrões europeus que a sociedade impõe pra todos nós. O cabelo tem que ser liso, seu corpo magro, com tudo em seus devidos lugares. 

Além da aparência, tem que ter faculdade, um emprego bom, casar - se com um homem e ter filhos, caso você não faça parte de nenhum dos padrões e nem cumpra nenhuma das exigências impostas, desde que nascemos, você não merece ser feliz e nem amada por ninguém. 

Temos que levar em conta de que todos temos capacidade, mas não as mesmas oportunidades. Todos dizem que é só ir atrás, que se a fulana conseguiu, você também pode conseguir. Porém, a fulana não tem as mesmas obrigações e preocupações, trabalha pra si, não ajuda em casa e sempre estudo em colégio particular. Daí eu te pergunto: Conseguiremos as mesmas coisas nas mesmas proporções e no mesmo tempo? Claro que não!

Cada organismo é um organismo diferente a serem respeitados como são, como nasceram e se criaram. A evolução do ser vem com o tempo, a famosa desconstrução dos padrões e da aceitação de si. Seja do cabelo, roupas, realidade, família, cotidiano, entre outras coisas mais. 

Não digo que você tenha que entrar nos padrões, render - se às imposições decretadas por alguém que não conhece a sua luta, não sabe metade das coisas que você já passou, ouviu e teve que aceitar para poder sobreviver todos os dias. 

Crie seus próprios padrões. Descubra suas particularidades, valorize - as, valorize - se o tempo todo, ninguém fara isso além da sua mãe. A partir do momento que isso acontecer, de dentro pra fora ou de fora pra dentro, verá o quão maravilhoso é, e se arrependerá de não ter feito isso antes. 

You Might Also Like

4 Comentários

  1. E aí beleza??? hahaha... Então,super concordo contigo, pensamos semelhantemente nesses aspectos, mas temos mais é que nos orgulharmos de quem somos, amar-se já é meio caminho andado! Abraços, amei teu blog! www.minhanegracor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos que nos aceitar mais, nos querer mais para só assim sermos felizes. Obrigada pela visita. Beijo

      Excluir
  2. Muito bom! É cansativo o mundo cheio de padrões, inquisições e não aceitações. Horrível!!! Infelizmente as pessoas não aceitam as diferenças.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E por não aceitarem quem sofre o pênalti, somos nós fora dos padrões. Obrigada pela visita. Beijos

      Excluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!