27/06/2010

Depende só de você!

E de repente nosso olhar se cruzou, como se tivesse sido pela primeira vez. Meu coração acelerou, quase pulou pela boca e na mesma hora passou um filmezinho dos nossos momentos juntos. Foi um pouco frustrante, porque não conseguimos nos falar, nos olhamos por poucos segundos, infelizmente. O sangue dele ferveu ao me ver acompanhada de outra pessoa, assim como o meu também ferveu pelo mesmo motivo. Os nossos destinos se desencontraram desde o dia em que ele saiu de perto de mim, perdemos contato por um tempo, até que nos encontramos de novo, não foi a mesma coisa de antes e nunca será. Afinal, eu amadureci, aprendi que não deveria me entregar tanto assim pra ti, mesmo sendo bom. Cansei de chorar, me magoar, ser magoada. E ele já sabe, se é pra acontecer algo de novo, quero ser a única. Mesmo depois de tanto tempo, meu coração ainda bate por ti, ainda sinto frio na barriga quando te vejo e tremo quando falo contigo. Quem sabe em um futuro próximo não nos reencontremos, ainda tenho esperanças.

24/06/2010

Nosso amor não tem fim ♪


5 meses atrás terminei com ele, achava que não sentia mais nada. Mas o meu adorado coração brincou mais uma vez comigo. Mesmo depois de tudo que enfrentei e sofri, continuo gostando dele como se fosse a primeira vez, como se não tivessemos um passado cheio de mágoas. Só fui perceber que continuava gostando, depois que vi ele com outra pessoa, sensação horrível. E, é bem como dizem, o amor supera tudo. Tá certo que a confiança não é a mesma, não somos mais as mesmas crianças do tempo de quando nos conhecemos, amadurecemos. Ninguém, no mundo inteiro, consegue ser que nem ele, perfeito. O beijo, o toque, as palavras, as sensações que causam. Definitivamente é ele e mais ninguém. Acho que encontrei aquele tão famoso amor que todos encontram um dia. Apesar da opinião negativa que as pessoas tem sobre ele, por causa de mínimos detalhes, isso não me importa, não quero nem saber. Essa é a minha escolha e ninguém tem que se intrometer. Ser feliz é o que me basta, mais ainda se for ao lado dele. Não se esquece,ano que vem são 6 anos. Amor, te amo!

17/06/2010

Sem medo!

07/04/10

Olhe em meus olhos quando eu estiver falando com você. Não quero te xingar, muito menos te ofender, só espero e desejo conseguir te ajudar a evoluir para você deixar de ser tão protegido pela sua mãe, irritante. Isso tem que acabar agora. Agir desse jeito como se estivesse no ensino fundamental ainda irá afastar as pessoas que poderiam vir a seus amigos. Infelizmente sua mentalidade não ajuda muito. Tente olhar-se em um espelho gigante, talvez assim consiga enxergar o quão medroso e bobo é, então assim tenha vontade de mudar o que está errado ao invés de aceitar e sairá dessa redoma. Imponha-se, com certeza se você fizer isso lhe darão mais valor e te levarão mais a sério. Abra sua boca, fale quando tiver vontade e o que for sem medo de represálias, mesmo que não te escutem até o final, grite. Absorva tudo o que for bom para você e não para o outro. Não grite coisas estúpidas. Tenha mais atitude. Assuma seus atos, consequências, escolhas, tudo o que puderem provar e aonde estiver assinado o seu nome. Boa Sorte!

16/06/2010

Retorno Glorioso!

Ficar sem internet foi traumatizante pra mim e bom ao mesmo tempo. Me dediquei bem mais ao colégio e principalmente aos poucos e bons amigos que tenho. Minhas notas, ai, minhas notas, estão maravilhosas. To tri feliz. Desencanei de muitas pessoas que não desencaram de mim ainda, esnobando elas irão sair, assim espero. Tava com muita saudade de escrever aqui e compartilhar minhas coisas com vocês, que falta um computador faz. Nesse tempo sem computador, muitas coisas aconteceram, óbvio, escrevi um monte de textos que com o passar dos dias vou postar aqui. É, a preguiça para algumas coisas ainda me domina, como digitar, por exemplo. Semana que vem já volto a postar no Divã, se Deus quiser e meus estudos permitirem - até pareço uma nerd falando, credo, nem é pra tanto. Sabendo administrar o meu tempo tudo vai sair do jeito que eu quero. Então leitores - tomara que ainda tenha alguém pra ler - até amanhã ou depois.
E não se esqueça: você tem o direito de fazer, amar, sair, transar, beijar quem quiser!