30/09/2010

Tabu

Quando você ouve a palavra sexo: no que pensa, em amor, prazer ou sente medo? Para fazer sexo (por prazer), transar (formal), fazer amor (apaixonados) ou ter relações sexuais têm que estar preparado, psicologicamente, emocionalmente, segura e consciente de que o arrependimento pós-sexo não irá trazer seu hímen de volta. Pois o sexo não é apenas prazer - para alguns -, há envolvimento e muitas vezes, principalmente as mulheres, confundem com amor, que vira platônico e sofrem muito por causa da má leitura da relação sexual. O ato é o mesmo só têm significados diferentes para cada um. Não posso dizer que é ruim, porque estaria mentindo, só que não dá pra sair transando com todo mundo sem nem saber da onde surgiram esses seres que querem prazer a todo momento ou então apenas quantidade para se gabar que comeram (desculpem a palavra) beltrana, ciclana e fulana. As meninas que acreditam na história do "felizes para sempre" desejam que a sua primeira vez seja mágica e perfeita, mas por causa da pressão das amigas que já fizeram sexo e para não serem as únicas do grupinho que ainda não transaram, acabam transando com qualquer um que aparecer na frente. Consequentemente, se apaixonam pelo primeiro homem, criam expectativas, sonham em ter uma vida com eles e tudo mais que a imaginação permitir. As coisas não deveriam funcionar dessa forma para a maioria das meninas. Primeiro tinham que conhecer o menino, ficar por um ou dois meses para se conhecer, começar a namorar e só assim transar, pois durante esse processo dará para saber se o sentimento é "reciproco" para se entregar. Porque, sinceramente, transar por transar não vale a pena mesmo, no começo ou no final alguém sempre sai machucado.
Essa é a primeira vez que falo um pouco sobre sexo, durante esses dois anos e pouquinho de blog.

25/09/2010

eu sinto, ele não sei

Espero que nessa primavera eu possa dizer tudo o que eu sinto por você, mesmo com o medo que eu sinto de você dizer que não sente a mesma coisa por mim e sim, apenas o sentimento que sei qual é, porque é demonstrado e nunca me foi dito. E com a esperança de que quando me declarar, ouvirei a mesma coisa ou muito mais. De um tempo pra cá, parei de ser tímida em relação aos meus sentimentos, só que quando tenho que dizer para você tudo que sinto quando te vejo, estou perto de ti e olho nos teus olhos, me dá um medo enorme, uma vontade de dizer e de ao mesmo tempo não dizer, porque não sei como a nossa relação vai ficar, afinal somos amigos coloridos. Não dizemos e nem combinamos o que vamos fazer, apenas fazemos, como se nos comunicássemos por telepatia, mas não, o corpo, olhos e gestos falam muito mais do que se disséssemos mil palavras um para o outro. Talvez eu fale ou não, até chegar o verão.

22/09/2010

seja sincero antes de mais nada.


Por mais que a outra pessoa não goste de você da mesma forma, fale tudo o que sente sem se importar se ela não irá corresponder do mesmo jeito. O que mais importa é a tua sinceridade com a pessoa e consigo. Não precisa ficar ensaiando o que vai falar, se preocupando com o que a pessoa vai pensar de ti, apenas abra o seu coração e deixe-o falar por ti. Pare de ficar guardando sentimentos por vergonha de expor, de se expor, seja quem você quer ser, alimente os sentimentos bons que você quiser. Porém, não se iluda achando que todos irão sentir as mesmas coisas por você e na mesma intensidade. As coisas não são como queremos, desejamos, algumas talvez, mas não todas. Viva os seus sentimentos com quem quiser viver com você, não tente obrigar as pessoas, porque só vai piorar a situação. Enfim, não seja boba.



disse o que eu sentia pra quem eu queria, mesmo tendo a certeza de que os sentimentos não são os mesmos, mas falei, sem vergonha de falar.

20/09/2010

será o fim?

o que me dá inspiração para escrever é o sofrimento, a dor. Porém, no momento, não estou sentindo nada disso, estou feliz, nem escutando nxzero vem a tal inspiração para escrever. então, talvez eu fique um tempo sem escrever, ou não. porque eu posso dormir e BAAN, a inspiração chegar, ou não também. não sei de mais nada, só sei que to sem inspiração para escrever um texto que dê orgulho de escrever e vocês sintam vontade de ler até o final. até amanhã ou depois.

17/09/2010

coloque-se em seu lugar


você pode apontar o seu dedo imundo para a minha face e dizer quantas barbaridades e mentiras sobre os meus sentimentos, dizer que devo seguir em frente, porque os meus motivos concretos estão no passado. falar o tempo todo o que o eu tenho que fazer é a coisa mais fácil que existe, porém não se dão o trabalho de se colocar em meu lugar. só sabe o que é sofrer quem realmente sente, sofre e não o fulaninho que falando para fazer isso ou aquilo. tenho consciência que é muito tempo perdido, muito choro, muito sofrimento, tudo demasiado. Porém, o problema é meu, a vida é minha, quem coordena tudo é o meu coração. Então não adianta ninguém ficar me dando scripts para seguir. Receitas para deixar de ser sofrer e ser feliz. Continuo a minha vida normalmente, com os mesmos sonhos e medos, as minhas esperanças de encontrar pessoas que me mereçam de verdade estão aqui, vivas, firmes e fortes. Vocês sabem o por quê, né?



em certas ocasiões temos que tomar atitudes diferentes sem se importar com o que o outro irá pensar, o que mais importa é resolver, estar satisfeita e ser feliz!

14/09/2010

faz tempo que tento (...)


A cada dia que passa vejo que não devo acatar a todas as ordens do meu coração. Posso até gostar da criatura, da sua companhia, mas suas atitudes me irritam profundamente a ponto de me ver batendo nele até sair sangue. As nossas concepções de prazer, paladar, viver, fazer e pagar pra ver são totalmente diferentes. Tu acha sempre que tá arrasando, que é o melhor, que é o tal, e ao mesmo tempo demonstra que nunca se olhou no espelho e muito menos conhece uma loja de boa qualidade. Não me leve a mau, mas suas roupas são horrendas e seu comportamento deplorável. Apesar de gostar ainda um pouco de você, nós dois não temos futuro nenhum juntos, nunca tivemos e foi burrice nossa de nos iludir e ainda fazer muitos planos juntos para o nosso futuro. Imaturidade demais pro meu gosto. Tu dispõe de recursos e não sabe utilizá-los ao teu favor, investir em si mesmo, os transforma em kg todo o tempo em que está de olhos abertos, ou seja, não está dormindo. Tu não pensa na mesma intensidade e não tem a mesma capacidade que eu, teus objetivos são diferentes dos meus, se é que existem. Enfim, vamos parar de nos iludir nos vendo todos os dias - pois vira uma rotina, e é esse um dos motivos que terminamos - e conversando sobre coisas banais - no começo os assuntos estavam legais, hoje não mais. Aliás, um relacionamento não é constituído apenas por sentimentos. É melhor cada um seguir o seu rumo novamente, tu parar de querer controlar com quem eu converso e parar de me fazer ciúmes com aquela gorda tenebrosa.

Amanhã é um livro novo. coloca um ponto final no livro velho, e pronto, amanhã é outro dia, outra pagina em branco na sua frente.

11/09/2010

a preguiça predomina


abro os olhos exatamente 10 para as 9 da manhã e digo: daqui 10 minutos me chama. abro os olhos novamente as 10:25, contra a minha vontade. pego minha toalha e repito o ritual que faço desde o 1º dia de março. faço tudo o que tenho que fazer até a hora de pegar a Mercedes. caminho como se as minhas pernas tivessem presas por elásticos. olho para as pessoas com um ar de desânimo e desinteresse, todos olham para mim igual. entro na sala fétida, olho o professor magricelo que fala o tempo todo e ninguém entende nada toda semana. escuto, falo, dou risada, gargalhadas que todos param para me ver, paro de rir, olho bem para a cara feiosa de cada um e solto mais gargalhadas até se acostumarem com o som desafinado que sai da minha boca. pessoas chegam perto para catar qual é o assunto do qual tanto dou risadas, profundas, por sinal. fiquei menos de 4 horas no recinto e voltei pra casa, de Mercedes é claro. continuei a caminhar como se tivessem elásticos prendendo minhas pernas e um chumbo em minhas costas. perdi umas 4 Mercedes, até que uma parou eu subir. a lentidão era imensa, tanta que meus olhos começaram a pesar, minhas mãos a resbalar e minha cabeça ficar mole. cheguei em casa. sentei em frente ao meu amigo virtual com a janela aberta. todos que passavam na rua me gritavam, detesto quando fazem isso, porque eu não vou incomodar ninguém. chamavam meu nome, meu apelido, e outras coisas que eu nem entendia ou então ficavam apenas parados admirando a minha beleza estonteante, porque vocês sabem né? Eu sou uma DIVA *---*!




só pra constar: o texto abaixo não é para homem, porque eu, como uma DIVA, não irei ficar puxando saco de homem troxa que cruza o meu caminho, pois eles não merecem nem uma letra aqui. então para quem já me acompanha há tempos deve ter mais ou menos a ideia pra quem seja. enfim, não é para homem.

10/09/2010

acabou meu tempo


Queria ter a certeza de que nada entre nós está perdido, que tudo não passou de um longo engano. Que me fez sofrer demais. Todos os dias, te vejo nos gestos espevitados de uma colega, mas quando olho para o rosto dela tenho a plena certeza de que você não está mais aqui do meu lado. Nas raras vezes que te encontro na rua, e apenas nos olhamos, tento não deixar transparecer que sinto a tua falta, mesmo sabendo que você já sabe disso por causa das muitas vezes que te disse, e que se possivel diria mais milhares de vezes até te convencer de que a sua escolha foi a errada. Tantos planos foram em vão, nenhum se realizou. Tu me fez sofrer e eu te fiz sofrer. Os motivos quero saber, todos, que tu nunca soube me explicar e talvez nunca saberá. Hoje as lágrimas chegam até o cantinho do olho, mas não chegam a cair, ficam ali até secar. No passado era diferente, elas caiam durante 3 horas, todos os dias, por quase um ano. A sintonia que existia entre nós era linda, infelizmente acabou, existe apenas em minhas lembranças. Por mais que eu diga para todos e até pra mim mesma que não sofro mais por você, que você não faz mais falta pra mim, é mentira. Sinto, pouco, mas ainda sinto. Me doi saber que você preferiu ser feliz junto com uma outra pessoa, de classificação diferente. E se naquela vez eu tivesse ficado quieta, será que um oi ainda haveria entre nós? Talvez você ainda leia o que eu escrevo ou não mais. Talvez você ria dos meus sentimentos que sempre foram da mais pura sinceridade ou então sinta algo também por minimo que seja. Não sei. Só sei o que eu sinto e passei.

06/09/2010

não faça que nem ela, não desista


enquanto eu tiver forças para lutar pelo o que quero, continuarei, sempre. mesmo que me puxem para trás, que me coloquem para baixo, que me digam que nunca irei conseguir. seguirei em frente, por maior que seja o número de obstáculos a serem ultrapassados. podem até não acreditar na minha capacidade, acharem que eu não sei e nem vou fazer nada. mas quem é que nasceu sabendo? eu não. estou aqui para aprender o que a vida tem a me ensinar, o que tá escrito pra mim ninguém vai apagar. não irei desistir nos momentos mais difíceis, farei deles os mais fáceis. persistirei até alcançar os meus objetivos, realizar meus sonhos e ser feliz.

continue a caminhar pelo mesmo caminho, se esse não for o caminho certo pra você, o que te faz bem, mude. pense primeiro em você, por mais egoísta isso seja, é a sua felicidade e satisfação que importam. conquiste o que tem que ser seu, o que você quer. redirecione o seu pensamento e pense positivo. tudo o que for para ser seu, será. não desista agora. talvez você esteja no meio do caminho, no final ou apenas no começo, para tudo é necessário um primeiro passo e é o que você está fazendo, estamos fazendo e continuaremos.


02/09/2010

Você também vai?


O tempo passa muito rápido. E nesse vai e vem de horas, conhecemos e desconhecemos muitas pessoas, algumas mais, outras menos. Gostamos da companhia, de conversar e, consequentemente nos apegamos, coisa que não deveríamos fazer. Durante um tempo os caminhos são os mesmos, mas a vida não é, infelizmente chega uma hora que cada um segue e/ou seguirá um rumo diferente e futuramente não irão mais se ver e sequer conversar. O destino faz essas coisas conosco, que ferem nossos sentimentos. Muitas vezes não temos chance de avisar que iremos partir ou de sermos avisados que irão partir. Alguns tem a sorte de apenas somar em suas vidas, já outras - que nem eu - tem a má sorte de subtrair pessoas. Não é que seja culpa minha, delas ou de terceiros. Acho que a vida quis assim, tinha e tem que ser desse jeito. Quando alguém vai embora da minha vida é mais uma porta que se fecha dentro de mim, do meu coração. A cada vez que isso acontece - mil vezes durante o ano - fico mais retraída; com medo de talvez me empenhar em conhecer outras pessoas, começar a cultivar a amizade e ela ir embora como as outras. Então, prefiro continuar o meu caminho, seguir meu rumo, sem lembranças e expectativas de pessoas novas juntos comigo.