31/12/2009

Último - do ano!

Chegamos intactos diante todos os males que aconteceram durante esse ano tenso que está no finalzinho, graças a Deus. Aprendemos muito. Mas ano que vem iremos aprender e fazer acontecer bem mais do que fizemos esse ano. Pessoas irão entrar em nossas vidas, melhores do que as anteriores que saíram. A sorte virá para nos ajudar. O amor para nos alegrar e acariciar aquele pedacinho petrificado do nosso coração. Faremos 18 anos, ano da responsabilidade, entraremos em festas melhores do que as que frequentamos nesse ano estranho que passou. Seremos mais felizes do que o normal, riremos mais dos problemas. Depois da meia noite esqueceremos de todos os problemas que tivemos, mágoas, rancores e brigas. Vamos deixar o passado ruim pra trás e apenas nos lembrar dos momentos maravilhosos que vivemos. Creia: tudo será melhor do que ontem, basta você querer. Sejam felizes antes de mais nada, o resto é simplesmente o resto, e pelo o que eu sei nunca ninguém precisou de resto para ser feliz.

Pessoal lindo, Feliz Ano Novo. Acho que consegui passar a minha mensagem. Até ano que vem com a próxima postagem!

26/12/2009

Que venha 2010

Só agora no final do ano que aprendi (antes tarde do que nunca): a dar valor pra quem realmente merece e dispensar de vez as pessoas sem personalidade que faziam parte da minha vida, deixar de lado quem só sabe ficar me criticando ao invés de acrescentar, a identificar quem me faz bem e quem não faz, coisas tão básicas, mas que temos uma dificuldade para fazer, infelizmente. É incrivel, passam todos os dias por ti e não são capazes de te dar um oi, mas quando estam juntos contigo numa festa bebem no mesmo copo, faz parte do comportamento dos seres humanos. Enfim, natalzito maravilhoso, refleti, aprendi, me diverti, ri, bebi, conheci. Tudo de bom proveito. Pessoas e momentos melhores estão por vir. Vamos aproveitar o que há e dispensar o que não dá mais. 2009 já deu o que tinha que dar.

22/12/2009

Agora eu já sei ♪

Procurar motivos para seguir em frente sem ao menos ter que olhar para trás é o melhor que podemos fazer por nós mesmos. Olhar para os lados e não ter uma alma viva, olhar para o céu e ver o breu da noite deixando de ser o que é e se transformando em um azul clarinho e límpido, daqueles que não nos cansamos de ver seja um motivo relevante para acreditarmos que o sol brilhará da mesma forma ou melhor depois da chuva (@ericona). Essa transformação nos proporciona um bem estar gostoso e reflexivo que só quem presenciou saberá descrever ou não. Sumir de vez da vida de uma pessoa (sem personalidade o suficiente para manter amizades) que não queira a nossa presença é a escolha certa a se fazer, independente de declarações passadas. Situações dessa espécie nos fazem aprender lições que escola nenhuma irá nos ensinar, apenas a escola chamada vida. Com o amenizador de mágoas (lê-se: tempo) esquecemos de tudo o de ruim que aconteceu e de pessoas infelizes que nos tornaram iguais a elas. Pode até demorar, mas irá passar.

- Visitem o Melhor Amiga e o Fica a Dica.
Até um outro entardecer.

16/12/2009

Perguntas complexas

Assistindo a um filme de madrugada me deparei com uma pergunta que um psiquiatra maluco fazia para um individuo em tratamento que era: - Quem é você? Só que o individuo começou a dizer o que fazia, mas essa não era a resposta para a pergunta em questão, falou o que fazia, descreveu sua personalidade, nenhuma das "respostas" era a que o médico queria escutar. Comecei a me perguntar quem sou eu, mas não consegui chegar a uma resposta convincente para esta pergunta tão complexa. Talvez ninguém consiga responder. Você consegue? Quem sou eu ou quem é você, não é uma citação de um livro ou muito menos a frase de uma música, é bem mais do que isso, vai mais além do que podemos imaginar, será que se conseguissemos respoder essa pergunta tão polêmica e dificil, iriamos nos descomplicar ou ficariamos mais complicados e confusos do que já somos?

13/12/2009

Agora é a minha vez.

Sempre condenei balanços de final de ano, achava uma chatice, completa idiotice. Crescendo os pensamentos e conceitos mudam constantemente, mais ainda na adolescencia. Consequentemente mudaram sobre os balanços e outras coisas mais, que talvez devem ter percebido em textos anteriores. 2010 um ano novo próspero para muitas pessoas como nós, de bom proveito. e não podemos mais ficar perdendo tempo correndo atrás de pessoas que não nos dão a mínima atenção mesmo continuando a dizer que ainda nos amam, época de deixar definitivamente as pessoas que não gostam realmente de nós e seguirmos em frente rumo ao caminho novo com pessoas novas. E o passado temos que deixar apenas nas nossas lembranças e quando sentirmos saudade não tentar revivê-los de alguma forma, apenas olhar as fotos que registraram os dias mais felizes de nossas vidas. Escolha radical essa minha, mas se não fizer assim não conseguirei seguir em frente e em paz jamais, e ficarei presa ao passado, aos momentos e principalmente as pessoas. Não estou desistindo das pessoas que eu gosto e que infelizmente não querem continuar a manter o mesmo contato frenético de antigamente, apenas estou tentando ser feliz de uma forma mais fácil. Cansei de tentar fazer lavagem cerebral nelas, praticamente obrigando a continuarem falando comigo, não tenho o direito de fazer isso com ninguém. Quem gosta de mim realmente está mantendo o contato até mais do que antes quando nos víamos mais, já o resto é porque não fazem a mínima questão da minha companhia. Então não posso fazer nada em relação a isso, se quiserem me procurar sempre estarei no mesmo endereço. Só estou fazendo a mesma coisa que fizeram comigo também. Desistir de quem eu gosto, jamais. Chega de procurar e não ter a mesma reciprocidade, isso cansa qualquer pessoa. Enjoa. Desanima. Decepciona. Enfim, largarei de mão quem não me quer, seguirei em frente e só serei de quem me quer de verdade. Infelizmente demorei muito para aprender essa lição que a vida me passou, mas hoje amadureci, cresci. Não quero mais viver assim, pra mim já deu. Parei de chorar e sofrer porque fulaninha não quer mais falar comigo e por outros motivos também. Se tu não quer, tem quem queira. Tem fases em nossas vidas que temos que ver quem continua conosco ou não, essa é a hora de escolher, 2010 já está praticamente batendo na porta.
_
- Sei que ficou meio sem nexo, mas dessa vez não quis colocar em ordem, apenas coloquei pra fora, escrevi.

11/12/2009

Não, muito obrigada!

Casar já não é o sonho de mais ninguém hoje em dia, pelo menos de quem eu conheço, e muito menos o meu. Tudo bem que a cerimonia é super linda, mágica e romântica, tem os presentes, a festa, o álbum, praticamente uma vida de barbie, perfeita. Mas depois de uns 3 meses no máximo, morando junto com aquele ser que um dia chegou a ser lindo, educado e inteligente, mas com alguns dias de casado se transformou em um ogro que arrota, solta gases e faz suas necessidades de porta aberta, entre outras coisas mais nojentas que não valem a pena serem citadas. Infelizmente, isso faz parte da intimidade que o casal adquiriu com o passar do tempo. No começo ele te ajudava a organizar a casa, lavar a louça e fazia questão de lavar o banheiro, agora ele chega espalha as roupas por tudo que é canto, ajuda a sujar o banheiro e quer tudo nas mãos. E o relacionamento, a quantas anda? Nem anda, tá mais parado do que cobra se preparando para dar o bote. Então você se olha no espelho e enxerga mais uma recem casada que se deixou escravizar pelo marido ogro-egoísta. Unhas não se faz mais, porque passa todo o tempo limpando, o cabelo ta parecendo uma vassoura e a pele então, nem se fala, parece uma frigideira cheia de gordura de tão oleosa que tá. Essa pessoa nem parece mais aquela que só saia no salto, toda arrumada e maquiada. Ah e não podemos esquecer também da liberdade que foi toda perdida, o bonito não sai com contigo, mas também não quer que você saia com as ultimas amigas que sobraram, pois não foram escravizadas ainda. O sonho dela de ter uma família bem estruturada, casa linda e um marido perfeito foi-se por agua abaixo, quem sabe ela tome coragem e seja inteligente o bastante, se separe e encontre um outro mais perfeito e menos ogro do que esse para realizar seu sonho ou parte dele.

#
Os números aumentam, eu fico super empolgada e com mais vontade de escrever, pois sei que tem pessoas que realmente lêem essas bizarrices que eu escrevo aqui. Obrigada por me darem ibope ainda. Até mais ver.

09/12/2009

Minha sinceridade dói

Doa a quem doer falarei tudo o que eu sinto vontade de falar, tanto de ciclana quanto te beltrano. Não quero saber se tu vai se ofender ou não, to nem aí pra tua opinião escrota e sem importância. Tá achando ruim sai daqui então, ninguém te convidou. Tu tem o livre arbitrio de entrar aqui e mais ainda de sair, então te toca que tu não ta com todo esse ibope, teu conceito comigo caiu faz tempo. E não faço a minima questão que aumente, nem torço. Então, tchau!

Não invada o meu espaço. Não me julgue se não sabe os meus motivos. Não venha me dizer o que eu devo escrever, fazer, vestir, comer e muito menos falar. Quem é você pra dizer alguma coisa pra mim?Até o momento ninguém. Não sinto nada por você. Eu te amo ainda ser que insistiu tanto em me magoar que conseguiu e foi embora. E também te amo pessoa que mora aqui perto, mas talvez você não me ame a ponto de me procurar, me ligar e sei lá mais o que. Quando gostamos das pessoas temos que ir atrás delas seja aonde for e se elas gostarem de nós irão agir da mesma forma. To sem pique para comentar nos blog que sigo, desculpem-me. Por hoje foi isso, até mais ver.

06/12/2009

Disponível para uma ausente

Eu, completamente disposta e buscando um caminho para recomeçarmos, talvez você não esteja tão interessada quanto eu, te entendo em partes. Olho para ti e já não vejo mais aquele brilho intenso de quando você era solteira;feliz, consigo enxergar apenas uma tristeza e grades a sua volta, coisa que nunca existiu nesses dois anos que te conheço. Pensei que ficaria bem feliz por estar com namorando, mas não, está totalmente presa e infeliz. O amor de existência duvidosa te transformou em uma pessoa aprisionada por um sentimento intenso de um ser com problemas psicológicos que aparentemente não existem, mas que na visão de um profissional torna-se extremamente legível. No fundo todos sabem que os sentimentos não são mútuos, quem a conquistou não foi ele, nem o seu jeito escroto de falar e andar, muito menos sua voz que parece que tem uma batata na boca. E sim, os presentes, almoços e jantares requintados e os passeios diversificados. Será que tudo isso que ele te proporciona – que não irão durar para sempre - vale mais do que as amizades que tu deixou para trás? Sei que é só um passatempo, porquê ele não é e nunca será teu sonho de consumo, aquele que um dia sonhamos juntas. Se ele te amasse de verdade deixaria você se relacionar com as pessoas que tanto dizia considerar ou estou enganada, e é você que não quer mais nos ver? Seja mais clara, de preferência em todos os sentidos. Tu pode até achar que não e que por ciúmes inventei tudo isso, mas não essa é a mais pura realidade e só você não quer enxergar, para de fazer vista grossa para os acontecimentos e principalmente para os teus sentimentos. É minha sinceridade tá que tá.

03/12/2009

Arrependimento não é bem a palavra...

Olhar para você já não me trás mais tanta felicidade quanto me trazia antes. Infelizmente o sentimento acabou, fiz muitas coisas para te ter, aproveitei o tempo que foi possível, mas depois cansei de fazer coisas para te agradar e não ter a mesma reciprocidade. É frustrante namorar uma pessoa egoísta como você. A olho nu ninguém, nem eu, percebia que as suas atitudes eram extremamente só para o seu bem, isso me cansou. Me desgastei e estressei demais. Somente após o nosso término que fui perceber o quão desnecessário foi toda essa situação, em partes, constrangedora. Demorei muito tempo para enxergar a realidade e quando enxerguei me senti tão idiota, burra e impotente, por ter deixado uma simples "ficada" se tornar um namoro que não alcançou grandes proporções e que se eu continuasse com certeza não alcançaria. Nunca combinamos em nada e nem o tempo teria poder o bastante de realizar essa façanha. Tu queria comer arroz e feijão e eu queria ir pro shopping comer fast food, enquanto tu fica aí parado acomodado no teu presente, eu faço planos futuros. Quero crescer, sair daqui, conhecer lugares que no momento não tenho condições de frequentar, mas você não, sua mente é muito pequena comparando com a minha, fora outras coisas. Você se contenta com tão pouco, já eu quero sempre mais do que eu tenho. Definitivamente eu não nasci para você e você não nasceu pra mim. A minha estrada é pavimentada e movimentada, a sua é de terra e cheia de animais, coisa que não tem nada a ver comigo. Mundos totalmente diferentes. Poderia até citar mais coisas, mas acho que seria muita petulância minha.
_
#
Me limito a escrever aqui somente sobre o que eu sinto e vivo, extremamente pessoal, praticamente minha vida inteira, escrita com outras palavras. Nada tão direto, mas existem linhas transparentes que ligam uma coisa a outra. Portanto, quem gostas que leia, caso contrário muito obrigada por apenas abrir e rapidamente fechar a página. Quer ler sobre outras coisas? Então visite o Divã Cor de Rosa e o Melhor Amiga, talvez lhe agradem. Por hoje é isso.

01/12/2009

Fim de ano

Hoje, o primeiro dia do último mês do ano. Para quem está esperando o ano de 2010 chegar para seus planos começarem é maravilhoso, já para quem está no último ano do colégio não quer que o tempo passe tão rápido, porque querem aproveitar o restinho de dias que tem para ficar curtindo os amigos. Época em que as lojas ficam enfeitadas, pessoas consomem mais, morrem mais, engordam mais, bebem mais. Tudo tão bom, belo e colorido. Presentes, comilanças e biras.

#
Estava meio desanimada (como sempre, oi?), por causa do blog e blábláblá. Mas percebi que antes quando ninguém comentava e sequer me "conheciam" eu escrevia para a minha satisfação e não por causa de números, comentários, ibope. Então continuarei pela satisfação, mas se os comentários aumentarem ou voltarem a serem como eram antes ficarei mais satisfeita ainda. Ah, e to querendo saber de uma coisa: - Vocês acham que com o tempo fiquei repetitiva, ou é nóia minha? Obrigada!