tristeza

Amnésia

fevereiro 28, 2015

Por mais que você faça um milhão de coisas por várias pessoas elas nunca estarão satisfeitas e continuarão te fazendo de gato e sapato, como se aí dentro não tivesse um coração cheio de sentimentos e uma mente em conflito pensando se está fazendo o certo ou errado. Ninguém te valoriza, ninguém se importa, eles se importam com o quanto ganham com os seus atos para com eles. Se você tá se fodendo lá na rua, ou se faz daqui e dali pra ajudar um suposto amigo, independente, eles não querem saber. Te procuram quando precisam, te adulam enquanto tu favorece eles, preferem você enquanto lhes convém. E depois? Depois você não é mais ninguém, você deixa de existir, e a consideração simplesmente some. 
Sei que isso não acontece só comigo, é doloroso lidar com tudo isso por muito tempo, por isso tive que escrever. A vontade é sumir, juntar todas as roupas sair porta a fora sem dar explicação, mudar de estado sem dar endereço e satisfação, ter uma amnésia e começar tudo do zero. Mas nada funciona dessa maneira. 
Dói aqui dentro, perturba, incomoda, faz chorar, sofrer.

You Might Also Like

2 Comentários

  1. Nunca lidei com tantas decepções como tenho lidado nesse início de ano. As pessoas foram feitas para nos decepcionar, só tenho isso pra concluir.

    Não dá pra fugir, não dá pra largar os sentimentos, mesmo que fossemos do oiapoque ao chuí (nem sei se é assim que escreve chuí) as coisas ruins continuariam dentro da gente, é um processo lento e doloroso do nosso coração, é a gente falando pra gente mesmo que está tudo bem, mesmo não estando, até nos convencermos disso mesmo.

    Só o tempo e vontade própria pra se ver livre disso.

    Boa sorte, pra nós!

    ResponderExcluir
  2. Nati, não fique triste pela filhadaputagem das pessoas. Elas não merecem que você fique assim por isso. É sério. Eu SEI que soa bem CLICHÊ, mas é a verdade. Quando você deixa de ligar, deixa de sofrer também. Sem contar que você é inteligente pra caralho e sabe lidar bem com esse tipo de situação. Se não for agora, será agorinha.
    Eu olhei pro canto direito do blog e vi "Gaúcha, 22 anos." Eu fiquei tão assustada. Sempre soube que você era mais velha que eu, mas eu lembro de você, de mim, aqui no blogger tão novinhas. Relaxa que a gente tem a skill do "foda-se" pra essas coisas que acontecem no mundo. E assim como o tempo - que fez a gente crescer e muito - olha lá que logo passa. Acabei de me mudar pra outro estado sozinha com uma mão na frente e outra atrás e mesmo do zero a gente ainda tromba com algumas coisinhas. Então, levanta-te e avante!

    Beijo :)

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!