amor

Tá, mas e o resto?

fevereiro 19, 2015

Independentemente da orientação sexual, da cor, da estatura, peso, classe social, o que vai imperar entre um casal é o amor, a compreensão, a união. Quando temos alguém que nos completa, ou pelo menos que achamos que nos completa, queremos estar juntos o tempo todo, ser e fazer a pessoa feliz tanto quanto você gostaria de ser e que te fizessem. 

Por mais que isso seja muito clichê, afinal relacionamentos são assim mesmo, mas flui, pois tudo na vida envolve relacionamentos, enfim. Quando gostamos de alguém temos que ser feliz, nos sentir bem e não só ficar com a pessoa por comodismo, carência ou medo de ficar sozinha. Temos que ser mais forte do que isso. 

O tempo tá passando, ta tudo acabando, pode até ser um papo meio depressivo, mas é essa a realidade. Você tem que fazer valer a vida. Se você tem vontade de ter uma casa, um carro, dois filhos e um cachorro tem que ir atrás disso, ou ser quer viver dentro de um iglu também tem que ir atrás. 

Com o tempo vamos desanimando e deixando de lado o que nos faz realmente bem e feliz para ficar com o pouco, com o que sobra, com o tanto faz, tanto fez. Pode existir amor e tesão, talvez não seja amor e sim um mix de gostar com comodismo que faz parecer amor, porque amor de verdade tu quer estar perto, fazer o outro bem e quando isso não acontece, não é amor. 

You Might Also Like

1 Comentários

  1. a comodidade é um mal que nos come lentamente, não deixe isso te devorar pois você merece mais que isso!

    beijas, diva!

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!