15/07/2018

Como o derrotismo me atrapalha todos os dias

Rawpixel


Ele tá aqui presente até pra começar esse texto sobre ele mesmo, é chato isso que acontece há um certo tempo, desde que querer ser dona do meu próprio nariz com a ajuda do blog se tornou o meu foco principal. Sinto que a cada 10 ideias boas, 11 são ruins demais para serem colocadas em prática e acaba que nada é feito.

A impressão que eu tenho é de que na hora que as ideias surgem na minha cabeça elas são ótimas, perfeitas, escrevo tudo nos mínimos detalhes até como vou dispor as imagens e quais as imagens, quantas linhas cada parágrafo vai ter e o que irei sublinhar/colocar em negrito, tudo bem explicado nos mínimos detalhes.

Por causa de um pequeno grande detalhe as coisas não acontecem, tudo para, eu paro, minha mente trava, meus dedos nem encostam no teclado e eu fico me comparando com tantos outros blogueiros e blogueiras que acompanho nessa blogosfera tão grande, achando que toda e qualquer coisa que eu produza vai ser muito ruim, mas tão ruim de que ninguém vai querer ler.

Apesar de todo esse pensamento negativo, se analisarmos juntos todos os comentários nesses mais de 700 textos já publicados sobre inúmeros assuntos, a maioria das pessoas dizem que gostam do que eu escrevo, que se identificam e que não posso parar de escrever, porque é muito bom e mais pessoas tem que ler o que escrevo.

Chega a ser tudo tão contraditório, porque ao ler os comentários e ouvir a opinião de pessoas que me conhecem pessoalmente sobre o que eu mais gosto de fazer, que é escrever, sinto vontade de escrever loucamente sem parar sem ter fim e espalhar meus textos por aí, nos muros das avenidas mais movimentadas da cidade.

Sabe o que me falta pra tudo isso acontecer? 
Isso mesmo, coragem pra abrir o editor de texto do blogger e escrever sobre o que eu quiser sem medo da opinião alheia negativa, apenas levar em conta as construtivas. Ter consciência da minha capacidade de criação, aproveitar os momentos em que a minha criatividade está em alta e colocar todas as minhas ideias em prática e investir no que tiver mais sucesso. 

E não posso me esquecer de deixar o derrotismo pra lá, não permitir que ele interrompa a minha vida, meus sonhos e as oportunidades de ser feliz fazendo o que eu gosto o tempo inteiro.

Quero saber de ti: 
O derrotismo já te atrapalhou alguma vez? Como você lida com isso?

14 comentários:

  1. lindo o texto. adorei. penso da mesma forma as vezes, mas paro e jogo esse derrotismo de lado e vou lutar pelo que acredito

    ResponderExcluir
  2. Muitas vezes na minha vida o derrotismo me atrapalhou, e isso é muito chato, não devemos deixar que isso venha atrapalhar a nossa vida, quando isso acontece comigo relaxo tento ficar tranquila, gostei bastante do texto uma reflexão pra nós, bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Gostei do texto ☺ muitas vezes deixamos que pensamentos ruins nos domine. Mas temos que sempre elevar o pensamento para Deus.
    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Reflexão muito bacana, não temos que deixa entra na nossas vidas e atrapalha nossos planos.

    ResponderExcluir
  5. sim, mas eu tento renovar meus pensamentos com algo que me dê esperança, otimismo e motivação!

    ResponderExcluir
  6. Já me atrapalhou várias vezes, acho que ele sempre está presente nas nossas vidas e só depende de nós termos coragem para afastá-lo.

    ResponderExcluir
  7. Olha, o derrotismo já tentou me derrubar algumas vezes, mas os comentários motivadores me deixam mais animada. Lendo seu texto me senti como você. Não podemos nos abater!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Texto maravilhoso! Realmente vira e mexe o derrotismo nos passa a perna e nem sempre é fácil a gente dar a volta por cima, mas precisamos tentar sempre. Não dá pra desistir. É aquela história: levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima.

    ResponderExcluir
  9. Oi
    sei muito bem como é isso pois já passei por cada coisa que só jesus,já tentou me derrubar mais fui muito mais forte sabe,esse é um mal que todos devemos vencer.

    ResponderExcluir
  10. ótima reflexão e muitas vezes esse sentimento de derrota é formado em nós por terceiros!

    ResponderExcluir
  11. Inúmeras vezes, eu penso todos os dias em matar o derrotismo aos poucos, sabe? Tento e me esforço para não deixar que ele me deixe na cama pensando no que eu gostaria de fazer e não faço. Amei o texto e me identifiquei (de verdade). Obrigada <3
    Com amor, espelho do Reino ♡

    ResponderExcluir
  12. Sei bem como é que é isso . Você foi funda no texto. Precisamos lutar pelo que acreditamos não é fácil , mas precisamos seguir firme.

    ResponderExcluir

  13. Muito boa mesmo sua reflexão, muitas vezes esse sentimento de derrota é formado em nós por pessoas invejosas.
    anjinhosdatiacidamarques

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!