Valores Trocados

03:47

Hoje eu não vim falar de amor, de dor, de sofrimento, sobre as horas e muito menos sobre o tempo, vim falar de uma coisa mais importante do que tudo isso junto, da Tekpix. Mentira. 

Brincadeiras a parte, vamos falar de um assunto polêmico, e não são mamilos. 

Você já percebeu que a maioria das coisas que faz é por obrigação, educação e/ou por livre espontânea pressão? E quando tentamos fazer algo que gostamos, sempre tem alguém para interromper, podar, dizer que não dá. Até quando vamos permitir que façam isso conosco? Quando crianças, adolescentes, antes de trabalhar, eram nossos pais que faziam esse papel de poda nas nossas ações e pensamentos. Mas hoje, é a sociedade que tomou o papel de nossos pais e querem nos coordenar de qualquer forma. Eles dizem que nós temos que ser magros, de cabelos lisos, que o loiro é mais bonito e que você só vai ser feliz se tiver mil amigos - fora das redes sociais - e um marido e junto filhos. Irão te tratar bem se você vestir uma roupa que é metade do salário deles pra mais e carregar uma chave de carro na mão o tempo inteiro, conheço muita gente assim que não tem dinheiro e é só aparência. Quando uma pessoa mais humilde chega numa loja onde só entra pessoas com as características citadas anteriormente, eles não dão bola, mesmo a pessoa querendo comprar, dão bola pra essa gente que vive de aparência, que pede pra descer mil pares de sapatos, olhar vários modelos de blusas e não compra nada. Preferem quem não trata bem, esnoba e humilha. Pode parecer clichê e até um assunto hipócrita, sem nexo, sem criatividade. Não me importo com isso. Apenas me importo com o jeito que tratam as pessoas.

Tumblr_lyzviuzq2i1rnmac8o1_500_large

Muitos dos atendentes das lojas dos shoppings dos quais frequentamos e não nos tratam bem, são instruídas pra isso e com o tempo elas fazem e nem se tocam mais. Porém, elas se esquecem que não são as donas das lojas, são simples funcionárias e que amanhã pode chegar uma melhor e ficarem desempregadas. Talvez sejam mais pobres que nós. Mas isso não faz diferença. Todos tem que se tratar como querem ser tratados. Independente da classe social, dos bens materiais, da cor da pele, do jeito do cabelo, de vícios, situações e condições.

Somos e seremos iguais, agora ou depois, sem restrições e preconceitos. Mude os seus conceitos. Hoje estamos aqui, depois estamos lá, não sabemos do dia de amanhã e nem se ele existirá pra nós. Hoje você pisa na pessoa e se amanhã você precisar, será que ela lhe estenderá a mão? 

Não dê o troco na mesma moeda. Seja superior, não tenha rancor. Nenhum dia é igual ao outro. O que vai, volta.

Gentileza, gera gentileza. 

You Might Also Like

6 Comentários

  1. Bom dia!
    Estou invadindo seu blog e de cara adorei seu texto.Eu penso como você e me revolto muitas vezes com esses tipos de cortes.Eu com 51 anos questiono muito e te confesso que muitas vezes passei por cima.
    Grande abraço
    se cuida

    ResponderExcluir
  2. Oii Floor? Tudo Bom?
    estava aqui dando uma bisbilhotada no seu blog e percebi que seu blog é genial!
    Ele fala apenas a verdade, e é isso que queremos ler...

    Meu blog: http://bemdepoiisdosdoze.blogspot.com/
    Siga e comente :)

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho que aprender a ser menos rancoroso. Sempre digo isso.
    Quanto essa questão do preconceito aqui no Brasil algumas pessoas ainda insistem em afirmar que acabou. Nós sabemos que não é bem assim, prova disso é preconceito contra pobres, homossexuais, negros.

    Eu assisti um documentário uma vez que mostrava uma "invasão" de pessoas pobres em um shopping e que relata bem esse tratamento ridículo com as pessoas que é citado no seu texto. Queria lhe dar o nome, mas infelizmente eu esqueci.

    ResponderExcluir
  4. Na área em que gosto de trabalhar: Receção. (foi o curso que eu tirei na escola) Sempre nos foi ensinado que devemos andar sempre apresentáveis e sem excessos MAS o que devemos portar sempre é um sorriso nos lábios. Seja para quem for, a intenção será tratar toda a gente do mesmo jeito.

    Sociedade não presta mesmo...
    Belo texto, pelas razões erradas mas muito bem construído.
    Um beijo *

    ResponderExcluir
  5. Já presenciei tantas situações desagradáveis e ouvi histórias de amigos também.
    Atualmente a falta de respeito impera na sociedade infelizmente.

    Beijos
    Leitora Incomum

    ResponderExcluir
  6. Estava pensando justamente nisso...As pessoas não se respeitam mais.
    ;**

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!