agradecimento

10 dias offline

00:27

com amor, pra você 


Nesses dez dias que fiquei offline tive um milhão de ideias - forma de falar apenas, tive umas 50 ideias na verdade, adoro dramatizar as coisas-, continuando, quis fazer muitas coisas em relação ao meu mundo, até que hoje voltei pra ficar, firme e forte. A primeira coisa que fiz foi vir aqui, sabia que tinha coisas boas aqui pra eu ler, os meus adorados comentários (leia os comentários do último post), fico tão feliz com cada pessoa que lê e comenta de coração, isso sim é reciprocidade (adoro reciprocidade), gratidão resume tudo o que sinto, de coração.

Criar sobre sentimentos reais o tempo todo, para uma autoajuda, uma terapia interna que só eu posso fazer para entender o que está ao meu redor, publicar e ajudar outras pessoas direta e indiretamente é a minha maior satisfação. Saber que nada está sendo escrito em vão, que alguém vem aqui e lê cada post, mesmo que não comente, fico feliz e contente, porque sei que a minha mensagem chegou a alguém. 

Estou indo contra os maiores nichos, quero continuar no meu: o pessoal. Sempre quando me perguntam sobre o que é meu blog digo que é pessoal e falo sobre comportamento, as pessoas não dão muita bola, não tem muito reconhecimento, nós sabemos. Porém, entretanto, toda vida, assim mesmo bem redundante, vamos pensar um pouquinho: do que adianta fazer o que não gosta? escrever sobre o que não quer?

Penso que quando fazemos o que gostamos e acreditamos no que estamos produzindo, é o mais importante, o pontapé inicial para que tudo dê certo, mesmo que não tenhamos pretensão alguma quando criamos um blog pessoal. A cada novo leitor conquistado por escrever com o coração é mais um motivo para continuar e é por isso que não desisti até hoje, apesar de ter parado por várias vezes. 

Quero dedicar esse post para todas as pessoas que me acompanham, sejam elas que chegaram em 2008 ou ontem. Cada um de vocês é um motivo para continuar a expor minhas opiniões e manter o blog pessoal. 

Obrigada!

You Might Also Like

20 Comentários

  1. Oi, Nati!
    Engraçado que esse post tem tudo a ver com o que estive pensando de ontem pra hoje. Eu deixei o blog por um tempo (um bom tempo, aliás) e retornei agora, mas cheguei e confesso que levei um susto. Fiquei me perguntando ''quanto tempo eu dormi?'', porque, sinceramente, a maioria dos blogs dessa vertente - sua e minha - simplesmente acabaram. Hoje eu estava vendo a lista dos blogs que sigo e grande parte parou em meados de 2012, 2013. Gente, fiquei tão triste com isso! Mas ainda bem que alguns ainda sobrevivem, e cá estamos, firmes e fortes.
    Confesso que me deu um aconchego danado ler esse teu post hoje. <3

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Continue escrevendo. Sempre haverá alguém que vai se identificar e se sentir melhor. Precisamos por pra fora o que sentimos, o que gostamos e compartilhar com as pessoas o que temos de melhor. Adorei conhecer vc e seu blog.

    ResponderExcluir
  3. Obrigada por me dedicar o post, cheguei aqui hj e ja quero te acompanhar sempre sempre... Amei sua forma de pensar e a forma que tu escreve. Parabéns

    ResponderExcluir
  4. Que fofa! Fico muito feliz que voce tenha esse reconhecimento e leitores que te adoram! Realmente as pessoas implicam com blog pessoal, mas temos que fazer o que amamos. Sempre terá pessoas para estar do nosso lado e amando o conteúdo que fazemos.
    Desejo que todas essas ideias ganhem vida e concretizem sonhos.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  5. Que post lindo, mulher ❤
    É bom tirar uns dias off pra descansar e pensar um pouco! As vezes a gente fica lá todo dia pensando, tentando criar R não sai nada! Com certeza vc fez a melhor coisa! E é mto bom mesmo ver o retorno das pessoas 😍 parabéns, seu blog é lindo e seu conteúdo é mto rico! Continue assim, Beijos

    ResponderExcluir
  6. Nossa, fazia TANTOS anos que eu não via um blog pessoal! Que delícia que foi encontrar o seu <3 Continue sempre assim, pois tenho certeza de que esse é o seu diferencial. É sempre bom ficar uns dias offline, né? Preciso fazer isso também. Beijos!

    http://subscrevendome.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Eu encaro o blog como um diário, você tem que escrever o que você ama. Parabens por manter isso e fazer muito bem!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, super amei! Fazia tempo já que não via um blog pessoal! Sucessos para vc❤

    ResponderExcluir
  9. Oi Nati. Prazer em conhecer. O meu blog também é pessoal e quero que permaneça assim. Criei em 2010, me afastei uns anos depois e voltei ano passado. Ele teve qie passar por uma reformulação de layout e até de nome,mas não perdeu a essência. Nele gosto de contar coisas que já vivi. Mas comecei a criar textos por desafios de grupos de interação que participo e isso tem sido bem animador. Bjs. Raquel

    organizareviversaudavel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Que show de post! É sempre bom se dar uma afastada, mesmo de coisas que amamos.. como dizem, tudo em excesso faz mal! Que bom que voltou! Você tem sucesso, amo seus textos!

    ResponderExcluir
  11. amei seu blog , vc escreve muito bem continue assim viu bj

    ResponderExcluir
  12. Eu ja fiz varios blogs desde 2009 pra cá pois desistia achando que não ia dar certo. Voltei com um blog totalmente diferente e estou me encontrando a cada dia que passa, fiquei viciada. É gratificante fazer algo qe a gente ama sem medo dos tropeços da vida.
    beijos e amei seu post.

    ResponderExcluir
  13. Eu faço blogs desde os meus oitos anos, ja fiz com tantos temas que hoje lembro e fico "que?", sempre desistia porque os dos outros eram cheios de comentários e o meu tinha, sei la, 2 visualizações? isso me deixava tao triste que acabei deixando de lado, nos 13 eu desisti, agora com 15 criei um totalmente diferente sabe? Mais eu, quando alguém me conhece e olha diz que aquilo sou eu, isso é maravilhoso.

    ResponderExcluir
  14. Muito bom! Não podemos desistir, precisamos nos empenhar em darmos o nosso melhor e esquecer a maneira ou até mesmo quantidade que os outros trabalham e recebem em seu blog
    Sucesso, lindona

    ResponderExcluir
  15. Eu super concordo contigo. Acho que se for para ter algo sobre o qual escrever, que seja sobre coisas que gostamos realmente de falar sobre, mesmo de forma boba ou com intuito mais íntimo ♥ É muito gostoso quando focamos naquilo que gostamos e fazemos disso uma fuga da realidade, enxergando pessoas que também se identificam.

    ResponderExcluir
  16. Oi Nati,por incrível que pareça tbm fiquei uns dias off pensando se tudo isso,todo o esforco valia a pena,e vou te falar já desisti uma vez e voltei. Então não desista,não é porque seu blog é pessoal que é menos importante. Se você esta feliz é o que importa! Bjs e sucesso

    ResponderExcluir
  17. Olha, sempre acreditei que a gente tem que fazer o que a gente se identifica. Tem muita gente por aí que vê a modinha e quer seguir, mas acaba ficando algo mal feito porque não é algo que vem do coração, sabe ? Continue com seu estilo de blog. Sempre vai ter um leitor que vai se identificar com seu jeito de expressão. :)

    ResponderExcluir
  18. Ou Naty!! Realmente tem temas de blogs que não são tão reconhecidos. Eu particularmente gosto muito do tema do seu blog, é algo que chama atenção e de certa forma faz a gente refletir e sempre aprender algo com ele. Parabéns!

    ResponderExcluir
  19. Nossa, que delícia ficar uns dias off pra descansar a cabeça. Era tudo o que eu precisava. Mas quem disse que eu consigo?
    Que legal ver um blog pessoal... É tão difícil, né? Dei uma fuçada e gostei muito dele. Com certeza vou te acompanhar. Sucesso sempre, Nati <3
    Beijos

    www.madamices.com

    ResponderExcluir
  20. Nossa passar uns dias OFFLINE parece ser ótimo mas sou dependente da internet não consigo ficar sem ate tento mas não rola, parabéns a você por conseguir ! Mas não suma assim tantas vezes em senti sua falta nas redes sociais !

    ResponderExcluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!