blogosfera

Como lidar? | 3

14:30



A frustração é tão grande que muitos desistem na metade do caminho. Cadê os blogueiros que:
traduziam seus sentimentos em palavras; tinham projetos literários e de blogagem coletiva; 
que não eram seletivos com os coleguinhas blogueiros, entre 2008 e 2009? Pois é, também não sei. 

Ok, tem que ser o melhor no que faz, porque se é pra fazer meia boca nem começa, mas vamos aos questionamentos:

Melhor pra quem?
Pra ti que escreve ou pra quem lê o que você produz?
Ambos tem que gostar, tanto quem compartilha a ideia quanto quem absorve ela, na mesma medida, sem mais nem menos, sem meio termo. Do que adianta você falar de algo que não gosta pra agradar quem vai ler? Isso é válido pra você? 

Tudo tem que ser feito com amor e orgulho, que você leia e pense: "- Poxa, fui eu que escrevi isso? Eu sou muito bom!" A cada post você pensa nisso?

Acabei de descobrir o real motivo da questão. Meu pensamento pra vocês: 

"Os outros conseguem, eu não vou conseguir, o que eu escrevo não é tão atraente, não é bom o suficiente mesmo todos dizendo que é muito bom cada texto escrito. Não acredito em mim mesma, infelizmente a frustração tomou conta do meu ser e não sei mais o que fazer pra melhorar isso. Escrevi vários posts em folhas de ofício, não sei se vou postar aqui ou não, são sobre roupas, cabelo e maquiagem. Tudo o que escrevo em folhas, acho que perde a validade de um dia para o outro, não são mais as mesmas coisas que sinto. Estou tendo crises de ansiedade, frustração, desânimo e me sinto muito sozinha nos últimos dias, melhor dizendo, nos últimos meses. O melhor é parar de pensar no que as pessoas vão achar das minhas ações e fazer o que me deixa feliz."

E nesses três posts com o mesmo tema, esse é último. Tudo o que escrevi é uma parte de tudo o que venho sentindo a algum tempo e precisava  colocar pra fora, porque já estava ficando sufocada. 
Me contem nos comentários o que vocês acham sobre e se sentem as mesmas coisas ou algo parecido. 

Obrigada por continuarem presentes, atê você que está lendo, mas não comenta. 

You Might Also Like

10 Comentários

  1. Entendo muito bem o que você disse! Antes de ter esse blog eu tive outros e queria postar tudo que eu achava que os outros gostariam de ler, até que chegou um momento que eu não sentia nem mais prazer em fazer aquilo, sabe? Não era prazeroso pra mim, tanto que os outros blogs não duraram nem 6 meses. Quando criei esse aqui eu decidi postar aquilo que eu queria, claro que pensando nos leitores sempre, mas pensando em mim também, e agora me sinto tão bem com o blog que nem conseguiria desistir dele, já são 3 anos aqui na blogosfera! Acho que quando a gente foca nos outros e esquecemos de nós mesmos, não tem como dar certo, é como você disse, ambos têm que gostar, tanto você quanto o leitor, até porque se nem você não tem orgulho daquilo que posta, quem vai ter, né? Adorei o post <3
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tu tem toda a razão e me fez ver as coisas de uma maneira diferente. Obrigada <3
      Beijão

      Excluir
  2. Acho que à espaço para todos na blogosfera e cada um deve seguir o caminho que deseja. Como na vida, não temos de ser todos amigos, temos é de respeitar cada um... E se há quem fale bem do que não gosta que vá por aí que eu sigo o meu caminho também :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não temos como agradar todos ao mesmo tempo...
      Beijo

      Excluir
  3. "Tudo o que escrevo em folhas, acho que perde a validade de um dia para o outro, não são mais as mesmas coisas que sinto..." Esse é o principal motivo que escrevo e o porque de ter um blog saber que as coisas passam... As angustias, as tristezas, as alegrias, os momentos tristes e felizes.

    CONTINUE...

    http://ladomilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, né? Porque depois não estou mais sentindo. Obrigada por me fazer enxergar por esse outro lado.
      Beijo

      Excluir
  4. o nosso grupo do face tinha blogagem coletiva... porém poucos participavam, teve duas vezes que fiz sozinha... isso desanima mesmo!
    queria continuar, acho a ideia muito legal, mas precisa de adesão, porque senão não é blogagem 'coletiva' né?

    xoxo
    Guria do Século Passado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra blogagem acontecer, temos que encontrar pessoas com o mesmo intuito que o nosso. Beijo

      Excluir
  5. Acho que a pior coisa é quando não acreditamos em nós e temos medo do que os outros vão pensar. Mas sabe o que eu aprendi? A dar a cara à tapa mesmo assim. Nem sempre vamos conseguir agradar a todos, nem sempre seremos perfeitos (e quem é?) e nem sempre o conteúdo sai as mil maravilhas ou do jeito que queremos (tem vezes que o desânimo bate). Mas aprendi, pelo meu jeito desastrado de ser, a aceitar a imperfeição, tanto a minha quanto a dos outros, e achar beleza nisso. Como você disse: "O melhor é parar de pensar no que as pessoas vão achar das minhas ações e fazer o que me deixa feliz". Beijos

    https://itiskimby.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com todos os teus comentários tu me fez ter forças pra continuar e a enxergar as coisas como elas realmenente são, muito obrigada <3
      Beijo

      Excluir

Me diz o que você achou, o seu comentário é muito importante pra mim.
Obrigada!